Após a Modalmais zerar a corretagem e revolucionar mais uma vez o mercado de títulos e valores mobiliários, iniciou-se a divulgação massiva de fake news, por parte, especula-se, de uma minoria mal intencionada de concorrentes e/ou escritórios de agentes autônomos, falando contra a saúde financeira do Grupo Modal.

Por isso, quero comunicar que, ao contrário do que tem se divulgado por pessoas mal-intencionadas, o Banco Modal S. A. (“Modal”) e/ou a Modal DTVM Ltda. (“Modalmais” e, em conjunto com Modal “Grupo Modal”) não tem qualquer problema de liquidez e seus resultados estão em linha com o planejado em seu cronograma de investimentos e de expansão. Estamos mais fortes do que nunca!

É MENTIRA QUE O MODAL ESTÁ EM DIFICULDADES!

As pessoas que tem criado e/ou divulgado essas Fake News devem se atentar que de acordo com a Lei 7492/86, divulgar notícias sobre a solvência de uma instituição financeira sem a devida comprovação dos fatos constitui CRIME contra o Sistema Financeiro Nacional.

Gostaria de lhes pedir um favor. Caso tenha recebido notícias desta natureza, recomendamos que não as repasse e pedimos que encaminhe print da referida notícia, o áudio e/ou o vídeo, conjuntamente com a identificação de quem os encaminhou ao endereço de e-mail: denuncie@modalmais.com.br , para que possamos tomar as devidas providências.

Além disso, no que se refere à comprovação mencionada e primando pela transparência, apresentamos os fatos sobre o Grupo Modal:

• A Modalmais fechou o ano de 2017 e o primeiro semestre de 2018 com lucro e indicadores de performance crescentes e:
• Líder em número de clientes pessoa-física operando na B3
• 300.000 clientes
• 3º em número de negócios em contratos futuros na B3
• 4º em número de contratos negociados na B3.
• 130 funcionários, contra 50 no fim de 2017. E estamos contratando!
• Primeira corretora a zerar a corretagem para contratos futuros cheios e minis de dólar e índice.
• Primeira corretora a oferecer a tecnologia dma2 puro de graça.
• Primeira corretora a oferecer a tecnologia dma4 de graça.

• O Banco Modal zela pela baixa alavancagem de carteira de crédito e alta liquidez, trabalhando com menos de duas vezes o seu Patrimônio Líquido em crédito, três vezes inferior à média de seus pares no mercado
• Nossa posição de Caixa, em junho de 2018, de aproximadamente R$ 600.000.000,00 (seiscentos milhões de reais), o que configura quase duas vezes o seu próprio Patrimônio Líquido.
• Nossa basiléia é de 13%, sendo que o mínimo exigido é de 9,25%.
• Nosso rating é investment grade pela Moody´s.

Estes números podem ser conferidos nas Demonstrações Financeiras disponíveis no site do Banco Modal, as quais são auditadas pela PricewaterhouseCoopers (PwC), maior empresa de auditoria do mundo, e aprovadas pelo Banco Central do Brasil.

• Com relação à carteira de investimentos, o Banco Modal foi ranqueado em 2017 entre os top 10 gestores/administradores de fundos de investimento pela ANBIMA, com aproximadamente 30.000.000.000 (trinta bilhões) de ativos sob gestão.
• Temos parcerias internacionais com players importantes do setor de infraestrutura, como a Macquarie, para a qual presta assessoria financeira em fusões e aquisições com empresas nacionais e estrangeiras e o CCCC, segundo maior grupo de infraestrutura chinesa, com faturamento global de aproximadamente US$ 70.000.000.000,00 (setenta bilhões de dólares americanos), do qual é o Modal é assessor financeiro exclusivo na américa latina.
• De acordo com a Bloomberg, somos Top 5 em número de mandatos de fusões e aquisições executados em 2017.

O Grupo Modal vem investindo pesado em tecnologia para o desenvolvimento de uma plataforma completa de produtos e serviços financeiros para melhor atender seus clientes e o todo o público que deseje ter uma experiência diferente da atualmente proposta pelos players do mercado. Todos os investimentos são realizados de forma planejada e responsável, com o propósito claro de expandir a sua plataforma digital para o maior número possível de clientes.

Neste sentido, entendemos que toda revolução incomoda o status quo, em especial àqueles que não conseguem fazer parte dela ou que, de alguma forma, serão atingidos por ela! Mas a revolução é feita para você, cliente, que deseja a mudança.

Não se deixe enganar por fake news! Em caso de dúvidas, entre em contato com o Grupo Modal e denuncie. A revolução não vai parar!