Polícia Federal indiciou Palocci, Odebrecht e ligou Lula. Recepção de R$ 8,0 milhões