Eleição de Trump continua desequilibrando mercados; notadamente países emergentes