Dólar X Real

Está na pauta do Senado de hoje (8) o Projeto da segunda rodada da Repatriação de Recursos no Exterior que deve ser votado ainda hoje. Inicialmente a expectativa era que o processo fosse votado antes do Carnaval mas divergências em algumas partes do texto adiaram a votação. O projeto ainda não chegou em um consenso com relação a liberação para parentes de políticos.

Açúcar e Etanol

Analistas estavam prevendo que a Índia iria importar açúcar por adversidades climáticas nas suas lavouras. Sua produção não seria suficiente para abastecer o mercado interno e o governo teria que diminuir as taxas para importação da commodity no país. Porém a Associação Indiana das Usinas de Açúcar diminuiu a projeção de consumo de açúcar no país em 1 milhão de toneladas para 23,8 milhões de toneladas. Com isso diminuíram as expectativas de importação de açúcar pela Índia apesar da quebra de safra no país. O contrato mai/17 fechou a US$ 18,40 queda de 3,92% e jul/17 a US$ 18,41 queda de 3,31%. No mercado interno o açúcar cristal em São Paulo fechou a R$ 79,82 a saca de 50kg, queda de 0,77%

Grãos

O Departamento de Economia Rural (Deral) do Paraná divulgou que a colheita de soja no estado já atinge 56% de área projetada na segunda-feira (6). O último levantamento divulgado em 23 de fevereiro divulgava que a colheita atingia 31% da área. O IBGE informou que a agropecuária teve retração de 6,6% em 2016, sendo pior que o da economia brasileira de forma geral que teve retração de 3,6%. O recuo foi puxado pela quebra de safras no país, principalmente de milho segunda safra e café robusta. A projeção da INTL FCStone de uma maior safra brasileira de soja, elevando em 5 milhões a produção no país pressionou os contratos. Ontem a soja mai/17 fechou a US$ 1.025,25 queda de 1,16% e jul/17 a US$ 1.034,75 queda de 1,07%. No mercado interno a soja em Paranaguá fechou a R$ 72,08 a saca.

O Deral também divulgou a colheita do milho primeira safar no estado e já atinge 40% de área, em 23 de fevereiro a colheita atingia 14% da área. O Departamento informou que o plantio de milho segunda safra já atinge 79% de área prevista.

Café

Na safra passada tivemos uma quebra de café robusta no Brasil, um dos maiores produtores dessa modalidade de café no Mundo. Vimos os preços dispararem no mercado e uma acirrada disputa está sendo travada entre produtores de café robusta no ES com a indústria de café solúvel no Brasil. Os produtores são contra a liberação da importação do café robusta e a indústria de café a favor alegando que produtores não possuem estoques de café suficientes para abastecer o mercado interno. No momento o que vem preocupando o mercado de café robusta no Mundo são as lavouras do Vietnã. O país é o maior produtor de café robusta no Mundo e o mercado começa a cogitar a possibilidade de um novo El Niño no país. Analistas irão permanecer atentos nas próximas semanas nas condições climáticas do país. Amanhã (9) a Conab irá leiloar 147,7 mil sacas de 60kg de café arábica dos seus estoques públicos.

Algodão

Na segunda-feira (6) as cotações de algodão na Bolsa de NY alcançaram seu maior patamar desde junho de 2014, mas no fechamento do pregão de ontem a commodity foi pressionada pela realização de lucros. Os dados divulgados pelo Comitê Consultivo Internacional do Algodão com aumento de área plantada também pressionaram os contratos. O Comitê prevê um aumento de 5% de área para 30,6 milhões de hectares, levando a uma projeção de produção de 23,4 milhões de toneladas, alta de 2%. Ontem o contrato mai/17 fechou a US$ 78,03 queda de 108 pontos.

Borracha

As exportações de borracha pelo Vietnã no final de fevereiro somaram 183,8 mil toneladas, uma alta de 27,7% no y/y. A expectativa da alta de juros pelo FED vem pressionando as cotações da borracha. Ontem os contratos abri/17 fechou em US$ 208,00 queda de 0,43% e mai/17 a US$ 207,00 queda de 0,24%.

Equipe:
Pedro Esberard Barbirato Rosa
pedro.rosa@modal.com.br

Katharyne Amorim Caiaffa
katharyne.caiaffa@modal.com.br

Rio de Janeiro 55 21 3223 7890 | 7934
São Paulo 55 11 2106 6880
www.modal.com.br

Fonte:
http://oglobo.globo.com/economia/senado-votara-novo-projeto-de-repatriacao-na-quarta-feira-diz-eunicio-21027770
http://www.abic.com.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=59&infoid=6232
http://www.abic.com.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=59&infoid=6229
http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Agricultura/Soja/noticia/2017/03/globo-rural-parana-colheu-56-da-soja-e-40-do-milho-verao-diz-deral.html
http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Economia/noticia/2017/03/agro-teve-retracao-de-66-no-ano-passado-informa-ibge.html
http://www.valor.com.br/agro/4891400/commodities-agricolas

1) Este documento é fornecido exclusivamente a título informativo e não deve ser considerado uma recomendação, sugestão de estratégia de investimento e/ou análise de valores mobiliários. Rentabilidades passadas não são garantia de rentabilidades futuras. O Banco Modal S.A. ou quaisquer das empresas que compõem o Grupo Modal (conforme definição legal) não expressam qualquer forma de garantia, implícita ou explícita, através do presente material.

2) Este material não leva em consideração objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas dos Investidores, que devem procurar aconselhamento financeiro destinado às suas necessidades antes de tomar qualquer decisão de investimento com base em informações contidas neste material. O material, inclusive, não representa o oferecimento de produtos, visto que tal oferta só pode ser feita mediante identificação do perfil de risco do cliente.

3) O presente material não representa a opinião do Banco Modal S/A bem como das demais empresas do Grupo Modal e seu conteúdo é de inteira responsabilidade dos responsáveis pela sua elaboração e das respectivas fontes utilizadas.

4) Esta comunicação deve ser lida apenas pelo seu destinatário e não pode ser retransmitida sem autorização formal. Caso recebida indevidamente, por favor destrua-a. Qualquer reprodução, disseminação, alteração, distribuição e/ou publicação deste e-mail é estritamente proibida.

Ouvidoria 0800 283 0077