Agenda

Açúcar e Etanol

Segundo dados da Unica a comercialização de etanol no mês de outubro caiu 23,2% comparado ao mesmo período do ano passado. As vendas atingem 2,11 bilhões de litros no acumulado sendo 2,03 bilhões de litros para o mercado interno e 74,45 milhões para o mercado externo. A moagem de cana também caiu na segunda quinzena de outubro chegando a 31,75 milhões de toneladas, 17,87% menor que em igual período do ano passado. No acumulado da safra 2016/17 que se inicia em abril, a moagem chega a 537,31 milhões de toneladas, 4,24% maior que em igual período do ano passado. Um levantamento com 155 empresas na segunda quinzena de outubro também apontou uma queda de produtividade de 15,06% em relação há um ano atrás.

Na Índia, o bom volume de chuvas aumentou a capacidade de seus reservatórios elevando para 83,2% da sua capacidade. No mesmo período do ano passado, a capacidade chegava a 49,9% e na média dos dez anos 76%. Em dezembro, o Ministro Blairo Maggi receberá no Brasil representantes do ministérios da agricultura da China para a discussão da pauta de financiamento de projetos para construção de portos e armazéns no país. A visita também dará início as negociações para criação de um fundo de investimento agrícola de US$ 1 bilhão. Ontem, a queda do dólar frente as principais moedas do Mundo levou a uma reação nas cotações do açúcar na Bolsa de NY. Os contratos mar/17 fecharam a US$ 20,35, alta de 0,99% e mai/17 a US$ 19,79, alta de 0,87.

Grãos

O plantio de soja no Brasil para a safra 2016/17 já atinge 73% da área prevista para o país na quinta-feira (17). Em igual período do ano passado a plantação atingia 70% e na média dos últimos cinco anos atingia 69%. Mato Grosso e Mato Grosso do Sul já tem sua plantação quase finalizada. MT na quinta-feira (17) atingia 95,5% de área plantada, ante 89,7% da safra passada. O Paraná entra no radar por preocupações com a falta de umidade na região, podendo acarretar perdas nas lavouras que estão no período de reprodução.

A relação padrão entre os preços de soja e milho na Bolsa de Chicago é 2,1. Esse índice é muito usado para especulações para a próxima safra americana, visto que apresenta a equivalência entre a soja e o milho. Até outubro o índice apresentou grande vantagem para o plantio de soja em detrimento do milho, visto que a paridade estava bem acima do 2,1. Porém no mês de novembro o índice sofreu uma redução na vantagem da soja, chegando a 2,37. O fato é que para ambas as commodities, a expectativa é que no médio prazo suas cotações caiam pelos altos volumes disponíveis no mercado mundial. Ontem na Bolsa de Chicago a soja mar/17 fechou a US$ 1.028,50, alta de 2,62% e mai/17 a US$ 1.035,75, alta de 2,50%. O milho mar/17 fechou a US$ 357,75, alta de 1,20% e mai/17 a US$ 364,25, alta de 1,18%.

Café

Segundo dados da Conab, Rondônia tem previsão de produção de 1.626,9 mil sacas de café, sendo o quinto maior produtor do país. O estado planta os cafés do tipo robusta e arábica e vem tendo grandes ganhos de produtividade. A área destinada para a produção de café reduziu 42,9% em seis anos, porém sua produtividade avançou 99,8%. Em mai/16 a produtividade era de 9,31 sacas por ha, em set/16 a produtividade havia disparado para 18,56 sacas por ha. Esse ganho em escala está relacionado a pesquisas e desenvolvimento de tecnologias pela Embrapa Rondônia, com apoio do Consórcio Pesquisa Café. Como pontos de melhoria temos o emprego de cultivares melhoradas, mudas clonais com material genético de melhor qualidade, boas práticas agrícolas e de gestão da atividade cafeeira. Ontem na Bolsa de NY os contratos mar/17 fecharam a US$ 163,30, alta de 0,74% e mai/17 a US$ 165,60, alta de 0,76%.

Algodão

O mercado de algodão operou com grande volatilidade semana passada, encerrando a semana com variação positiva de 3,12% para o contrato jul/17. Dados divulgados pelo Imea relatam que o Valor Bruto de Produção (VBP) do estado é atualmente R$ 41,9 bilhões, sendo R$ 5,31 bilhões provenientes do algodão, representando 12,7%. O algodão é a terceira cultura mais relevante no estado, atrás da soja (68,3%) e milho (14,1%). Apesar da quebra de safra de algodão no estado, as cotações da commodity superaram os níveis históricos e balancearam o VBP para o algodão. A pluma está sendo cotada a R$ 77,76/@, alta de 25,4% ante o ano passado e o caroço a R$ 586,77/t, alta de 30,4% ante o ano passado. Ontem na Bolsa de NY os contratos mar/17 fecharam a US$ 72,29, queda de 0,04% e mai/17 a US$ 72,95, alta de 0,03%.

Equipe:
Pedro Esberard Barbirato Rosa
pedro.rosa@modal.com.br

Katharyne Amorim Caiaffa
katharyne.caiaffa@modal.com.br

Rio de Janeiro 55 21 3223 7890 | 7934
São Paulo 55 11 2106 6880
www.modal.com.br

Fonte:
http://www.portaldoagronegocio.com.br/noticia/venda-de-etanol-em-outubro-cai-232-e-atinge-211-bilhoes-de-litros-diz-unica-152295
http://www.dci.com.br/agronegocios/com-melhora-no-clima,-india-deve-elevar-plantio-de-cana-id588596.html
http://www.portaldoagronegocio.com.br/noticia/moagem-de-cana-na-2-quinzena-de-outubro-cai-178-diz-unica-152297
http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Agricultura/Soja/noticia/2016/11/plantio-da-safra-20162017-de-soja-atinge-73-da-area-prevista-no-brasil.html
http://revistagloborural.globo.com/Noticias/Agricultura/Soja/noticia/2016/11/plantio-da-soja-chega-na-reta-final-em-mato-grosso.html
http://canaplan.com.br/noticias/setor-sucroenergetico
http://www.imea.com.br/upload/publicacoes/arquivos/21112016172400.pdf
https://www.agrolink.com.br/noticias/cafeicultura-de-rondonia-na-vanguarda-da-tecnologia_365436.html
http://www.imea.com.br/upload/publicacoes/arquivos/21112016172058.pdf

1) Este documento é fornecido exclusivamente a título informativo e não deve ser considerado uma recomendação, sugestão de estratégia de investimento e/ou análise de valores mobiliários. Rentabilidades passadas não são garantia de rentabilidades futuras. O Banco Modal S.A. ou quaisquer das empresas que compõem o Grupo Modal (conforme definição legal) não expressam qualquer forma de garantia, implícita ou explícita, através do presente material.

2) Este material não leva em consideração objetivos de investimento, situação financeira ou necessidades específicas dos Investidores, que devem procurar aconselhamento financeiro destinado às suas necessidades antes de tomar qualquer decisão de investimento com base em informações contidas neste material. O material, inclusive, não representa o oferecimento de produtos, visto que tal oferta só pode ser feita mediante identificação do perfil de risco do cliente.

3) O presente material não representa a opinião do Banco Modal S/A bem como das demais empresas do Grupo Modal e seu conteúdo é de inteira responsabilidade dos responsáveis pela sua elaboração e das respectivas fontes utilizadas.

4) Esta comunicação deve ser lida apenas pelo seu destinatário e não pode ser retransmitida sem autorização formal. Caso recebida indevidamente, por favor destrua-a. Qualquer reprodução, disseminação, alteração, distribuição e/ou publicação deste e-mail é estritamente proibida.

Ouvidoria 0800 283 0077