Azul: demanda doméstica por assentos cresce 20% em maio

Comparados com maio de 2016, a demanda de passageiros aumentou 20,4% frente a um aumento de 20% na oferta de assentos. Como resultado, a taxa de ocupação foi de 79,8%, um aumento de 0,2 p.p.. Por mercados, a Azul reportou: 1. oferta no mercado doméstico cresceu 15,1%, com demanda doméstica 14,3% superior a de maio.2016, mas a taxa de ocupação caiu 0,5% em relação a maio de 2016, para 78,5%; 2. oferta no mercado internacional (que no caso da Azul é muito pequena), cresceu 55,4%, com demanda internacional avançando 59,7%, ampliando a taxa de ocupação para 87,2% ou 2,4 p.p. superior ao mesmo mês do ano anterior.

Gol: persiste a queda da demanda por assentos em maio

Comparados com maio de 2016, o volume total de decolagens da GOL reduziu 3,3% e o total de assentos disponibilizados ao mercado recuou 2,9%, ocasionando um recuo na oferta de 4,6%. A demanda reduziu em 2,4% no mesmo período e com isso a taxa de ocupação foi de 76,6%, 1,7 p.p. superior ao mês de maio de 2016. Por mercados tivemos: 1. oferta no mercado doméstico caindo 3,2%, com demanda doméstica 1,9% inferior a de maio de 2016, elevando a taxa de ocupação para 76,9% ou 1,1 p.p. superior ao mesmo mês do ano anterior; 2. oferta no mercado internacional caiu 14,5%, com demanda internacional 6,6% inferior a de maio de 2016, ampliando a taxa de ocupação para 73,9% ou 6,3 p.p. superior ao mesmo mês do ano anterior. A persistente menor demanda por assentos nos voos doméstico e internacional, limita a comemoração pelas melhores taxas de ocupação das aeronaves em maio.

Lojas Renner: menor ritmo de inauguração de lojas

Foram inauguradas duas novas lojas da rede Camicado, duas Youcom e uma loja Renner. Neste ano, até 9 de junho a Lojas Renner inaugurou um total de 18.840 m2, uma queda 28% diante dos 26.342 m2 de lojas inauguradas até 9 de junho de 2016.

Prumo: acionistas ofertantes reafirmam preço da OPA a R$ 10,53/ação

Na semana passada comentamos neste mesmo espaço sobre a ratificação da CVM de sua decisão de excluir as ações de titularidade do acionista Mubadala do cálculo da quantidade de ações em circulação para fins de decisões sobre a OPA da Prumo. Hoje, a EIG, acionista ofertante comunicou à Prumo que está preparada para prosseguir com a OPA ao preço de R$ 10,53/ação, independente de qualquer outro valor que venha a ser apurado em uma segunda avaliação. A EIG também reiterou que jamais possuiu qualquer acordo, a qualquer título, com o Mubadala em relação à Prumo ou a OPA. Antes dissemos que há chance dos Ofertantes desistirem da OPA. Agora avaliamos que a chance disto não ocorrer é na hipótese de manutenção do preço conforme previamente estabelecido.

Telefônica: recompra de ações

O Conselho de Administração aprovou um Programa de Recompra de Ações de Própria Emissão da Companhia, o qual visa a aquisição de ações para posterior cancelamento, alienação ou manutenção em tesouraria. A recompra será efetuada com o saldo de R$ 1,8 bilhão da reserva de capital. A recompra de ações pode ocorrer até 8/12/2018. Serão adquiridas até o máximo de 870.781 ações ordinárias e de 41.510.761 ações preferenciais, equivalentes a 2,75% e 10%, respectivamente, das ações em circulação na presente data.