Bradesco assume ativos da Viver

Como resultado de uma das etapas da negociação entre o Bradesco e a Viver, incorporadora em recuperação judicial, para quitação integral da dívida desta com o Bradesco, o Banco assumiu a propriedade de 51 unidades do Hotel Radisson Blu Belo Horizonte e de um terreno localizado em Campinas, SP. O Bradesco fará leilão dos imóveis nos termos do artigo 27 da Lei nº 9.514/97 para recuperar seu crédito junto à Viver, decorrente de uma CCB.

Eletrobras terá que devolver cerca de R$ 3 bi à CCC

Como resultado de uma ação de fiscalização da Aneel, concluiu-se que a Eletrobras deverá devolver R$ 2.998 milhões à CCC em até 90 dias da publicação do despacho no Diário Oficial da União. Segundo o rito adotado, após a emissão do despacho, a empresa tem 10 dias para recorrer às superintendências responsáveis pela fiscalização e, posteriormente, à Diretoria Colegiada da Agência. Além disso, houve a determinação para a CCEE, atual gestora do fundo, interromper o pagamento das prestações dos Contratos de Confissão de Dívida à Amazonas Distribuidora, como beneficiária da CCC. Notícia negativa.

Movida adquire empresa de locação corporativa de veículos premium

Adquiriu a BVHD Locação de Veículos e Serviços, empresa que atua sob a marca Fleet Services no segmento de locação corporativa de veículos premium, tais como Audi, BMW, Mini, Jaguar, Land Rover e Porsche. A frota da BVHD é composta por 153 veículos de luxo, com receita por carro 5 vezes maior do que um veículo popular. O objetivo da Movida em adquirir a Fleet Services está diretamente relacionado ao direito que lhe foi assegurado, com exclusividade e pelo prazo mínimo de 5 anos, de poder manter em cada uma das Concessionárias da Rede EuroBike estrutura que lhe propicie oferecer locações personalizadas aos clientes das Concessionárias da Rede Eurobike. Com isso, a Movida dá início à atuação em um nicho de mercado diferenciado, de maior valor agregado, inclusive em novas linhas de negócio, a exemplo do Movida Mensal Flex, carro por assinatura lançado em abril de 2017. O valor da transação é de R$ 22 milhões, do qual serão deduzidas as dívidas financeiras da Fleet Services, estimadas em R$ 17 milhões. O preço da compra, de R$ 5 milhões, será pago na data de fechamento do negócio. Notícia positiva.

Triunfo: dados operacionais de janeiro a julho de 2017

A Triunfo informou que em julho de 2017, a Portonave teve a melhor movimentação mensal de sua história, de 87,5 mil TEUs. Este aumento deveu-se ao crescimento da importação e à movimentação dos navios/contêineres que não pararam na Potonavel em maio e junho quando houve o fechamento do canal de acesso por condições climáticas.
Na comparação anual, o crescimento da movimentação foi de 3,3% devido às linhas que começaram a operar a partir do segundo semestre de 2016. Já o total de veículos equivalentes pagantes em suas concessões rodoviária acumula queda de 1,8% em janeiro/julho de 2017 comparada ao mesmo período de 2016. No aeroporto de Viracopos, também até o mês de julho de 2017, circularam 64,4 mil aeronaves (-3,8%), 4,5 milhões de passageiros (+2,9%) e 107 mil toneladas de carga (+18,9%). Os dados mostram manutenção de menor atividade econômica nos segmentos de atuação da Triunfo.

Unipar: CVM autoriza dilação de prazo relativo à OPA

Em atenção ao pedido efetuado pela ofertante Vila Velha, a Superintendência de Registro de Valores Mobiliários da CVM autorizou a dilação de prazo para publicação de aditamento ao Edital da Oferta Pública de Aquisição de Ações para Cancelamento de Registro da Unipar Carbocloro S.A.. Com isso, o leilão da oferta, originalmente previsto para 17/8/2017, foi remarcado para o dia 23/8/2017.