Azul estreia hoje na Bovespa

Após a CVM revogar a suspensão do seu IPO, o procedimento de bookbuilding definiu o preço de R$ 21,00/ação preferencial da Azul. O valor ficou no centro da faixa indicativa de R$ 19 a R$ 23 que constava no Prospecto Preliminar. A oferta movimentou R$ 2,02 bilhões, sendo R$ 1,323 bilhão referente à oferta primária e R$ 698 milhões oferta secundária. A empresa conseguiu ofertar os lotes adicional e suplementar. As ações da Azul, listadas sob o código AZUL4, começam a ser negociadas na Bovespa a partir desta terça-feira. Notícia positiva.

Cyrela assume compromisso de subscrever novas ações de emissão da Tecnisa

No âmbito do aumento de capital da já investida Tecnisa, a Cyrela, assumiu a obrigação de subscrever 7.858.174 novas ações ordinárias, pelo preço de emissão total de até R$ 20,431 milhões. Este compromisso está vinculado à efetiva subscrição de, no mínimo, 28.297.938 de ações ordinárias, equivalente a R$ 73,574 milhões pelos acionistas controladores Meyer Joseph Nigri, Lilian Raquel Czeresnia Nigri e Jar Participações Ltda.. A Cyrela se reservou o direito, mas não a obrigação, de subscrever uma quantidade maior de novas ações ordinárias. Notícia negativa.

Abrace consegue suspender pagamentos da RBSE

A Associação Brasileira dos Grandes Consumidores de Energia Elétrica conseguiu tutela antecipada parcial visando à suspensão dos efeitos sobre suas tarifas do pagamento dos créditos relativos aos ativos considerados não depreciados existentes em 31 de maio de 2000 (“RBSE”), devidos às concessionárias de transmissão que renovaram suas concessões, em 2013, nos termos da Lei 12.783/2013. A informação foi dada em Fato Relevante pela Eletrobrás, que tem a receber cerca de R$ 36,5 bilhões, mas vale para todas as demais empresas do setor de transmissão, como Transmissão Paulista, por exemplo. Notícia negativa.

Petrobras: Moody’s melhora classificação de risco

A agência de classificação de risco Moody’s alterou o rating da dívida corporativa da Petrobras de B2 para B1 e alterou a perspectiva de estável para positiva. Em seu relatório, a agência destaca a melhora contínua do perfil de liquidez da Petrobras e de suas métricas financeiras nos últimos trimestres, devido, dentre outros fatores, à maior eficiência nos custos e à nova política de preços. A agência ressaltou a evolução no ambiente regulatório brasileiro, que permite retornos para investimentos no longo prazo e reconheceu o compromisso da administração em atingir as metas financeiras estabelecidas no Plano de Negócios e Gestão 2017-2021. Notícia positiva.

Prumo: CVM pede exclusão de acionista para fins da OPA

Entendendo que há elementos que levam à conclusão de que a acionista Mubadala é favorável ao fechamento de capital da Prumo e pretende permanecer como acionista, e que o grupo vem atuando no processo representando o mesmo interesse dos controladores, a CVM solicitou à Prumo que exclua a Mubadala como detentora de ações em circulação, de modo que a mesma não seja considerada no cômputo do quórum de sucesso. Além disso, a CVM solicitou que a Prumo esclareça como será preservado o direito de os titulares de ações em circulação efetivamente decidirem sobre a realização de nova avaliação da companhia.

Sabesp inicia negociações com a cidade de Guarulhos

A Sabesp celebrou protocolo de intenções com o município de Guarulhos para elaborar estudos e avaliações visando o equacionamento das relações comerciais e das dívidas existentes entre o município e a Companhia. Notícia positiva.