Curtas Empresas

Contax conclui venda da Divisão Allus
A Contax anunciou sexta-feira a noite a conclusão da venda da Divisão Allus, que possui operações na Colômbia, Argentina, Peru e Espanha, ao Grupo Konectanet. O valor global de avaliação da Allus foi de US$ 192 milhões, conforme já havia sido divulgado anteriormente. A operação foi liquidada com o pagamento de US$ 140,4 milhões pela Konecta à Contax. Os recursos serão utilizados para pagamento das despesas relacionadas à Venda da Allus, recomposição do caixa da Contax e amortização antecipada de parte de sua dívida, em conformidade com os compromissos assumidos no âmbito do reperfilamento realizado no 1T16.

Ecorodovias: capital vai ser reduzido para absorver prejuízo acumulado
Hoje, às 10h30, na sede da Ecorodovias seus acionistas estarão reunidos em Assembleia para votar a redução do capital social em R$ 959 milhões para que seja absorvido o saldo do prejuízo acumulado em 30 de junho. O prejuízo do semestre, de R$ 1,177 bilhão, decorreu do impairment e baixa de imposto diferido do Ecoporto Santos, bem como da redução do valor da Elog que foi descontinuada e disponibilizada para venda.

Gol: a edição de hoje do jornal Valor Econômico traz uma entrevista com Paulo Kakinoff, presidente da Gol, que fundamentalmente afirma que “o mercado de aviação civil na América do Sul não é grande o suficiente para comportar a quantidade de empresas aéreas que disputam consumidores hoje”. Em outras palavras, o executivo sugere um movimento de consolidação e diz que a Gol está posicionada para ser protagonista. Dona de uma dívida bilionária e com patrimônio a descoberto, a Gol terá que se esforçar muito para tanto e achamos que para esta empreitada precisaria contar com a ajuda de sua acionista Delta.

OI: Informou, por meio de Fato Relevante, a renúncia de Marcos Grodetzky ao cargo de membro do Conselho de Administração. Grodetzky assumiu como membro independente titular do colegiado em junho deste ano, após a renúncia de Robin Bienenstock. O executivo, formado em Economia pela UFRJ, atuou nas áreas internacional e de investimentos de grandes bancos como Safra, Citibank e Unibanco. A Companhia não citou os motivos para a renúncia.

Petrobras: Produção de petróleo e gás natural em agosto
A petroleira informou os dados de produção de agosto com uma série de recordes atingidos. No mês, a produção total de petróleo e gás natural foi de 2,84 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boed), sendo 2,72 milhões boed produzidos no Brasil. A produção total de óleo e gás no Brasil foi um recorde mensal, bem como a produção média de petróleo no País, que atingiu 2,22 milhões de barris por dia (bpd). Segundo a companhia, a venda dos ativos na Argentina impactou a produção internacional, resultando em uma redução de 1,4% na produção total. Já a produção de petróleo e gás natural operada pela Petrobras na camada pré-sal cresceu 4%, alcançando novo recorde mensal, no valor de 1,36 milhão boed. Esse resultado se deve, principalmente, à interligação de novos poços e ao crescimento da produção dos poços já interligados aos FPSOs Cidade Maricá e Cidade de Saquarema, ambos instalados no campo de Lula, no pré-sal da Bacia de Santos. Boa notícia.

Petrobras Agenda: o novo Plano Estratégico e o Plano de Negócios e Gestão 2017-2021 será apreciado pelo Conselho de Administração da Petrobras em reunião a ser realizada no dia 19 de setembro de 2016.

Usiminas: assinou hoje os Instrumentos Definitivos de sua reestruturação financeira junto aos Credores, que envolve aproximadamente 92% do endividamento total, incluindo debêntures da 6ª emissão. Estamos concluindo estudo de avaliação com as novas condições financeiras que será divulgado aos nossos clientes esta semana.