Curtas Empresas

Petrobras venderá ativos em águas rasas
A petroleira iniciou o processo de cessão dos direitos de exploração, desenvolvimento e produção de petróleo e gás natural de um conjunto de campos em águas rasas, localizados nos estados do Ceará e de Sergipe. Estão sendo oferecidas nove concessões, cuja produção média de 2015 foi de 13 mil barris diários de óleo equivalente, o que corresponde a 0,5% da produção total da companhia. As áreas ofertadas em Sergipe são Caioba, Camorin, Dourado, Guaricema e Tatuí. Já no Ceará, são Curimã, Espada, Atum e Xaréu. A venda, que faz parte do plano de desinvestimento da petroleira, será realizada por meio de processo competitivo. A Petrobras não informou estimativas de valor para o negócio e avaliará os termos e condições das propostas que venham a ser recebidas.

Petrobras divulga Edital de Convocação de AGE com propostas de mudanças em seu Estatuto
A Assembleia Geral Extraordinária será no dia 4 de agosto, às 15h00, na sede da Companhia e está em pauta a reforma do Estatuto Social da petroleira. Dentre as muitas mudanças propostas, está incluso o ajuste do parágrafo 1º do artigo 36, com o objetivo de retirar a competência individual do Presidente da Petrobras para elaborar os critérios de avaliação técnico-econômica para os projetos de investimentos. No entanto, será mantida a sua competência para submeter esses critérios à aprovação da Diretoria Executiva; bem como para estabelecer sua competência como ponto focal para as informações a serem prestadas ao Conselho de Administração.

Vale: concorrente Rio Tinto suspende projeto de minério de ferro na Guiné
O novo CEO da Rio Tinto, Jean-Sebastien Jacques, em entrevista ao jornal londrino The Times, afirmou que a empresa suspendeu um ambicioso e grande projeto de minério de ferro de US$ 20 bilhões em Simandou, na Guiné, em razão do ciclo de queda nos preços da commodity. Disputas nesse projeto levaram a Rio Tinto a processar a Vale por corrupção. A suspensão é uma boa notícia para o mercado de minério de ferro na medida em que tira mais um pouco da pressão sobre os preços no futuro.

Valid vende sua participação na Multidisplay Comércio e Serviços Tecnológicos
O negócio foi concluído através da controlada Interprint Ltda. Com tal desinvestimento, a Valid dá continuidade à estratégia de concentrar-se em negócios nos quais sua participação é majoritária e que mais se adequem ao seu portfólio de produtos e soluções.