Gol e Smiles atualizam preço de transferência das passagens aéreas e milhas

A Gol e a Smiles aprovaram ontem o reajuste do preço de transferência das passagens aéreas e milhas para o exercício de 2018. As empresas reportaram uma redução média de 0,6% e de 1,5%, respectivamente, do preço e das milhas, com base na composição dos bilhetes aéreos emitidos no último período de vigência.

Locamerica e Unidas fazem combinação de seus negócios

As empresas e seus acionistas controladores assinaram um Acordo de Investimento com a finalidade de regular os termos e condições para a realização da combinação de negócios entre a Unidas e a Locamerica. A Operação permitirá que as empresas tenham uma plataforma completa para atendimento aos seus clientes, que incluirá todos os serviços disponíveis no mercado de locação de veículos, terceirização e gestão de frotas. O posicionamento competitivo também será fortalecido com a ampliação da cobertura geográfica das empresas. As empresas esperam que a combinação de seus negócios capture significativas sinergias operacionais, administrativas e econômico-financeiras bem como da otimização da estrutura de capital das companhias, tornando a Locamerica-Unidas a segunda maior empresa do país no segmento e consolidando efetivamente a liderança do grupo no segmento de terceirização de frotas.

Magnesita faz resgate parcial antecipado de bônus perpétuo

O Conselho de Administração da Companhia aprovou que a subsidiária Magnesita Finance Ltd resgate US$ 70 milhões do Bônus Perpétuo US$ 250 milhões 8,625%, a ser efetivado em 26 de janeiro de 2018, a um preço igual a 100% do valor do principal acrescido dos juros acumulados e não pagos. Boa notícia.

Neoenergia fará subscrição particular

A empresa comunicou que aprovou em Assembleia Geral Extraordinária, aumento de seu capital social no valor de R$ 2.585.379.882,87, com a subscrição particular de até 154.166.958 novas ações ordinárias, nominativas, escriturais e sem valor nominal, a serem integralizadas da seguinte forma: (i) R$ 1.100.000.002,79 em moeda corrente nacional; (ii) R$ 885.379.882,87 mediante a capitalização pela acionista Iberdrola Energia S.A. de créditos decorrentes de contratos de compra e venda de participação societária celebrados com a Companhia e (iii) R$ 600.000.000,00, mediante a capitalização pelos acionistas de créditos de dividendos referentes aos exercícios de 2015 e 2016, declarados e não pagos. Notícia neutra.

Petrobras realiza pré-pagamentos de dívidas

A Petrobras efetuou em dezembro, diretamente ou através de suas controladas, pré-pagamentos de dívidas, que totalizaram US$ 5,1 bilhões, com os seguintes credores: BNDES, Morgan Stanley, Export Development Canada, Santander, The Bank of Tokyo-Mitsubishi UFJ, Citibank, Kreditanstalt für Wiederaufbau, JP Morgan, HSBC e Japan Bank for International Cooperation. Desse montante, 72% estavam previstos para serem amortizados ao longo de 2018 e 2019. Essas operações concluem a estratégia de gerenciamento de dívidas realizada ao longo de 2017, em que foram captados US$ 26,1 bilhões, pré-pagos US$ 28,2 bilhões e repactuados US$ 9,7 bilhões. Em comunicado a Petrobras afirma que continuará avaliando novas oportunidades de alongamento e redução de custo da sua dívida, de acordo com a meta de desalavancagem prevista em seu Plano de Negócios e Gestão 2018-2022. Boa notícia.