O Ibovespa futuro aponta uma abertura positiva nesta segunda-feira, acompanhando o desempenho da maior parte das praças acionárias internacionais. O bom humor no início do dia se deve ao clima mais ameno entre EUA e China, após o governo norte-americano suspender temporariamente as tarifas sobre importações da China.

Os investidores domésticos aguardam a divulgação da Ata da última reunião do Copom, que ocorrerá amanhã. O documento apontará os motivos que balizaram a decisão das autoridades monetárias para interromper o ciclo de queda da taxa básica de juros. Após a grande volatilidade no câmbio nos últimos dias, o Banco Central decidiu aumentar a oferta de swap cambial para 15 mil contratos a partir de hoje, ante oferta de 5 mil contratos nos leilões de swap tradicional realizados todas as manhãs.

Agenda Corporativa

NEGOCIAÇÃO EX-DIREITO

ALPA3: Ex-JCP de R$ 0,0727538248/ação. Exercício 2018
ALPA4: Ex-JCP de R$ 0,0800292072/ação. Exercício 2018
BBRK3: Ex-Subscrição de 0,5630943 ação para cada 2 ações possuídas ao preço de R$ 0,47/ação. Direitos até 12/06/18.

PAGAMENTO DE PROVENTO

SNSL3: JCP de R$ 0,15815175055/ação. Exercício 2017
EMBR3: Dividendo de R$ 0,07201612/ação. Exercício 2017

Análise Gráfica

O Ibovespa-futuro manteve o repique corretivo e atingiu a projeção (Fibonacci) imediata de 83.850 pontos, mas se ultrapassar esta marca poderá estender a recuperação até 84.280 ou mesmo 85.050 pontos (comentário feito às 09:10 h e baseado no gráfico intraday de 60’).

O dólar-futuro deverá encontrar sustentação para esta correção na antiga resistência representada pelo topo formado em R$ 3,698, mas se isto não acontecer a queda poderá se estender até R$ 3,653 (comentário feito às 09:10 h e baseado no gráfico intraday de 60’).

Assista ao vídeo da Análise Gráfica


Disclaimer:
Este Relatório de Análise foi preparado pela Lopes Filho & Associados, Consultores de Investimentos Ltda. para uso exclusivo do destinatário, não podendo ser reproduzido ou distribuído por este para qualquer pessoa sem expressa autorização da Lopes Filho, conforme Contrato de Prestação de Serviços com as Instituições Clientes. Este Relatório de Análise é distribuído somente com o objetivo de prover informações e não representa, em nenhuma hipótese, uma oferta de compra e venda ou solicitação de compra e venda de qualquer valor mobiliário ou instrumento financeiro. As informações contidas neste Relatório de Análise são consideradas confiáveis na data de sua publicação. Entretanto, a Lopes Filho não pode garantir a exatidão e a qualidade das mesmas. As opiniões contidas neste Relatório de Análise são baseadas em julgamentos e estimativas, estando, portanto, sujeitas a mudanças.

Sem prejuízo do disposto acima e em conformidade com as disposições da Instrução CVM nº 483/10, o(s) analista(s) de valores mobiliários responsável(eis) pela elaboração deste Relatório de Análise declara(m) que:

(I) é (são) certificado(s) e credenciado(s) pela APIMEC.
(II) as análises e recomendações refletem única e exclusivamente suas opiniões pessoais, às quais foram realizadas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Lopes Filho.
(III) sua(s) remuneração(ões) é (são) fixa(s).

Informações adicionais sobre quaisquer emissores objeto dos Relatórios de Análise podem ser obtidas diretamente, por telefone, com o(s) analista(s) responsável(eis). Os Relatórios de Análise podem ser consultados no website http://www.lopesfilho.com.br, cujo acesso é restrito aos assinantes e usuários do serviço de Assessoria em Mercado de Capitais da Lopes Filho. Informações sobre emissores que não são objeto dos Relatórios de Análise podem ser obtidas através de solicitação ao Departamento Comercial.

As informações, opiniões, estimativas e projeções contidas neste documento referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças, não implicando necessariamente na obrigação de qualquer comunicação no sentido de atualização ou revisão com respeito a tal mudança.