Todos os dias me levanto da cama quando ainda está tudo escuro.

Sigo pra academia pouco depois, volto, tomo um banho, tomo um bom café da manhã na varanda e venho para minha “Sala de Operações” em minha casa, após uma passagem breve pelo banheiro, pra então começar meu dia de trabalho.

Quando acabo minhas operações, costumo continuar de olho no Mercado, analisando meu portfólio de ações, lendo notícias macroeconômicas, até que tudo fique escuro novamente. Sim, às vezes rola um Netflix em meio a tudo isso…

É assim de segunda a sexta-feira. Sempre a mesma coisa. A disciplina em seguir essa rotina me deu a consistência em realizá-la dia após dia.

 

Guarde isso: A rotina está ligada à disciplina, que está ligada à consistência.

Vejo o day trade como a Fórmula 1 do Mercado Financeiro. De tudo que você pode fazer aqui, esse modus operandi é o que mais exigirá de você, o que mais riscos pode oferecer, mas pode ser o que te levará ao topo da cadeia.

Por enxergar dessa forma, encaro minha vida como um campeão da Fórmula 1 deve encarar.

Se alguém acha que uma rotina dessas é algo chato, claramente está aqui apenas pelo dinheiro e não acredito que exista um piloto de Fórmula 1 que não ame o que faz.

É o amor pelo Mercado que te dará a tal liberdade e também a sonhada performance de um trader profissional.

Sem esse amor, você não terá forças pra passar pelo processo de forja que o Mercado impõe a cada um que queira se dar bem aqui.

Você pode ter chegado aqui pelo dinheiro sim, mas precisa se apaixonar durante o processo, pois em minha opinião sem esse amor, sem resultados no longo prazo também.

Falando nisso, que história é essa que o Trader tem visão de curto prazo?

Nossas operações realmente podem ser denominadas como de curto prazo para o processo de decisão sim, mas a visão não!

Venho desde lá debaixo dessa escadaria construindo cada degrau, tijolo a tijolo, pensando em chegar lá no tempo certo e não no tempo que eu quero.

Quem chega no Mercado querendo subir de qualquer forma e rapidamente, cai numa velocidade ainda maior.

O Mercado para traders não tem o glamour tão difundido por aí. Tem é muito suor, dor e até lágrimas às vezes. Porém ele pode ser lindo mesmo com toda sua crueldade e aleatoriedade. Ele não pode ser totalmente dominado, assim como um animal selvagem, mas você conseguirá conviver com ele se respeitá-lo, amá-lo como é e principalmente, aprender a dominar a si mesmo, pois você é a única coisa que você mesmo conseguirá controlar por aqui.

Falamos de rotina, disciplina, consistência, performance, amor, visão, caos e autocontrole.

Esse é o meu mundo do Trading.

Veja abaixo a palestra na Trader Experience do João Homem, Líder do SST, maior grupo de traders do Brasil:

 

Tenha acesso a uma plataforma de investimentos completa e estável, abra a sua conta hoje mesmo no modalmais. É rápido e simples.

Nova call to action