Na semana passada, a Bovespa registrou valorização de 4,48%, com índice em 120.240 pontos, mas, no ano, mostra valorização de somente 1,03%. Dólar aqui fechou o período cotado a R$ 5,38, em queda de 1,57% e destaque para os mercados americanos com novos recordes históricos de pontuação para Nasdaq e S&P, mas aqui, na sexta-feira, os mercados se assustaram com vazamento de informação de que a Petrobras mudara a periodicidade de reajuste de preços dos derivados.

Hoje os mercados da Ásia terminaram com altas e destaque para a Bolsa de Tóquio com +2,12%, com a Fitch mantendo a classificação de risco em “A” e perspectiva negativa. Destaque negativo para a Bolsa de Seul com queda de 0,94%, em função de notícia que não havia nada certo com a fabricação de carros autônomos pela Hyundai e Kia em consórcio com a Apple.

Europa começando o dia com altas e futuros no mercado americano também nesse início de manhã. Aqui, investidores terão que avaliar o comunicado da Petrobras, mas os ADRs da companhia subiam no pré-mercado americano, apesar do rebaixamento de algumas casas que acompanham a empresa. De qualquer forma, não deveríamos perder o patamar de 118 mil pontos do índice, sob pena de acelerar realizações, ao mesmo tempo, em que o objetivo segue sendo buscar novamente a faixa de 125 mil pontos, mas com a China entrando em feriado prolongado na próxima semana, a tendência é de maior volatilidade dos preços e principalmente de commodities.

Na Itália, os partidos da Liga Norte e 5 Estrelas disseram apoiar um governo comandado por Mario Draghi, ex-presidente do BCE. Já Israel se prepara para relaxar restrições de contato social, depois do lockdown e vacinação maciça da população. Na Alemanha, a produção industrial de dezembro ficou estável, de previsão de +0,6%, mas para o trimestre é esperada contração.

Nos EUA, Janet Yellen (Tesouro), disse que o país precisa de um pacote fiscal robusto, e que os benefícios são maiores que os riscos fiscais. Democratas querem votar o impeachment de Trump rapidamente, ao contrário dos Republicanos. Já Biden, disse que não vai suspender sanção contra o Irã, e foram achados vestígios de atividade nuclear no país.

No mercado internacional, o petróleo WTI negociado em NY mostrava alta de 1,11% e barril cotado em US$ 57,45. O euro era transacionado em leve queda para US$ 1,20% e notes americanos de 10 anos com taxa de juros de 1,16%. O ouro em queda e a prata em alta na Comex e commodities agrícolas com comportamento de alta na Bolsa de Chicago.

Aqui, o ministro do STF disse não ser bom ter um réu na linha de sucessão do país e Arthur Lira tem reunião com Paulo Guedes e Campos Neto para discutir autonomia do Bacen. A instituição JP Morgan não crê ser possível que a reforma tributária e a administrativa saiam ainda em 2021.

A pesquisa Focus está sendo divulgada com pequenas alterações e o IPC-S e janeiro mostra variação em 12 meses de 2,49%, em quanto na primeira quadrissemana de fevereiro foi de alta para 0,40%, vindo de anterior em 0,27%.

Bom dia e bons negócios!

Alvaro Bandeira
Economista-Chefe do banco digital modalmais