Apesar de a Black Friday ser conhecida pelas promoções no varejo, bancos e corretoras de investimentos também farão ofertas na data. Além de descontos temporários nas taxas de corretagem, alguns oferecem investimentos com rentabilidade acima da usual e diminuem o valor mínimo de aplicações. Antes de aplicar, contudo, avalie sua situação financeira e defina um perfil de investimento
para não se deixe levar pelos descontos recomenda Jaques Cohen, planejador financeiro
da Planejar (antigo IBCPF).

“O investidor não deve definir ou alterar sua estratégia por causa da Black Friday. Por
exemplo, se você não tem ‘um colchão’ para os próximos meses guardado, não adianta
fazer um investimento de pouca liquidez só porque ele está mais barato. Pode ser que
você acabe precisando do dinheiro e perca o rendimento por sacálo
antes do tempo”, diz.

Veja na integra

Veja as oportunidades da Black Week modalmais 2019 e invista!