Ibovespa avançou 1,45%, a 61.954 pontos.
Ações da Vale subiram mais de 7%.

O principal índice da Bovespa fechou em alta pelo 3º pregão consecutivo nesta terça-feira (22), com o cenário externo mais favorável à tomada de risco e tendo as ações da Vale entre os destaques positivos, em meio à alta nos preços de minério de ferro na China.

Veja as cotações dos principais mercados

O Ibovespa avançou 1,45%, a 61.954 pontos. Veja a cotação.

No mês de novembro, o índice acumula queda de 4,59%. No ano, entretanto, os ganhos passam de 42%.

Destaques do dia

Perto do fechamento, as ações ordinárias da Vale subiam mais de 7% e as preferenciais mais de 6%.

As preferenciais da Petrobras subiam 1,6%.

Itaú Unibanco e Bradesco, com forte peso na composição do índice, avançavam 0,48% e 0,65%, respectivamente.

Na outra ponta, Embraer liderou as baixas do dia, com desvalorização de mais de 3%.

Cenário externo e interno

O alívio no cenário externo ajudava o Ibovespa a buscar a recuperação de patamares perdidos após a eleição de Donald Trump à Presidência dos Estados Unidos, que levou a uma forte volatilidade nos mercados.

“De certa forma, as carteiras dos investidores já se ajustaram para os principais lances de Trump e a tendência é de acomodação”, escreveu o economista-chefe da corretora Modalmais, Alvaro Bandeira.