Ela ocorre, por exemplo, sempre que o investidor mantém uma posição de contratos futuros em aberto, de um dia para o outro.

Nesses casos, no início do dia, ocorre uma PRÉVIA CHAMADA DE MARGEM, que tem definição ao pé da letra e tem o objetivo de garantir em conta aquele recurso referente à margem, até que a bolsa realize a chamada de margem de fato, ao longo do dia.

Antes da chamada de margem ser realizada pela bolsa, ocorre o ESTORNO PRÉVIA CHAMADA DE MARGEM e em seguida, a chamada de margem de fato.

Essa margem só será devolvida pela Bolsa, ao final do D+1 a contar da data que a posição foi zerada e entrará descrita como RETIRADA DE MARGEM (esse prazo pode variar a critério da B3, uma vez que se houver posições em aberto em outras casas, essa margem poderá continuar retida).

 

Importante saber:

Toda a Chamada de Margem é devolvida integralmente em sua conta um dia útil após o encerramento completo de sua posição. Caso não zere toda sua posição e continue operando, essa Margem volta aos poucos para sua conta.

 

Gostou deste conteúdo? Você pode assinar nossa newsletter gratuita e quando publicarmos mais artigos como este: é só ficar de olho em sua caixa de entrada, pois enviaremos todas as novidades para lá.

Portanto, para investir com segurança e rentabilidade, abra a sua conta no modalmais e veja como ter acesso às melhores opções do mercado financeiro.