Blog do modalmais

Declaração de Imposto de Renda: Confira o que a receita federal mudou!

Você sabia que a Receita Federal mudou os códigos para a declaração do Imposto de Renda desse ano? Não? Então confira aqui neste artigo e fique por dentro das novas alterações.

O que é o Imposto de Renda?

Apesar de obrigatório para a maioria da população, muitas pessoas não sabem o que é o Imposto de Renda e acabam se confundindo se é ou não necessário realizar a declaração no sistema da Receita Federal.

O Imposto de Renda é um tributo federal, um pagamento sobre os valores recebidos pelo contribuinte. Todo o valor recebido no ano deve ser declarado, como salário, saldo em conta corrente, investimentos, dividendos, etc.

Apesar de muitos pagamentos já terem o desconto de Imposto de Renda no momento da liquidação em conta (como é o caso do resgate de Tesouro Direto, por exemplo), no ano seguinte é preciso declarar esses valores recebidos para a Receita Federal verificar se o valor está correto. Com esse controle é possível evitar fraudes e sonegações fiscais.

O Imposto de Renda é obrigatório para pessoas que:

  • Receberam valores acima de R$ 28.559,70 no período de 01/01/2021 a 31/12/2021;
  • Exerceram atividades rurais (compra/venda de soja, gado, etc) acima de 142 mil reais ao ano;
  • Quem realizou investimentos (bolsa de valores, renda fixa, criptoativos);
  •  Comprou imóveis ou terrenos no valor acima de R$ 300 mil;
  • Estrangeiros que geraram algum tipo de lucro em território brasileiro;
  •  Quem recebeu auxilio-emergencial e teve renda superior a R$ 22 mil no ano de 2021.

Como fazer a declaração do Imposto de Renda anual?

No site da Receita Federal você pode baixar o aplicativo em seu computador para poder realizar sua declaração, é o método mais utilizado pelos brasileiros.

Mas também pode enviar a declaração de Imposto de Renda de forma online, pelo navegador do seu computador. Porém, para isso é preciso realizar o login na sua conta Gov.br e ter alcançado o nível prata ou ouro de conta, dessa forma conseguirá fazer a declaração sem precisar baixar o sistema.

O que mudou no imposto de renda 2022?

Em 07 de Março a Receita Federal anunciou que os códigos para a declaração do Imposto de Renda de 2022 foram alterados.

Muitas pessoas, com o passar dos anos, acabaram decorando os códigos de cada categoria da declaração, porém isso foi alterado pela própria Receita Federal. O que requer atenção redobrada no momento de entregar seu IR.

É importante ressaltar que essa alteração não se trata de um erro, apenas uma atualização feita pela Receita Federal, após o prazo que as instituições tinham para divulgação oficial dos informes de rendimento (28/02/2022).

As principais mudanças

É válido ressaltar que todas as alterações de códigos feitas pela Receita Federal foram para ajudar e facilitar a vida do contribuinte no momento da entrega de sua ficha de Imposto.

Evitar erros na entrega é o ideal, para que não precise retificar sua declaração futuramente.

Na já conhecida seção de Bens e Direitos, podíamos ver uma lista extensa, com mais de 70 itens de códigos para realizar a declaração. Agora com a alteração, os itens foram separados em 9 grupos, e dentro dos grupos haverá os códigos de cada bem ou serviço.

Os grupos criados são:

  • Bens Imóveis;
  • Bens Móveis;
  • Participação Societária;
  • Aplicações e Investimentos;
  • Créditos;
  • Depósito à Vista e Numerário;
  • Fundos;
  • Criptoativos;
  • Outros Bens e Direitos.

Outra mudança é a declaração feita de rendimentos, que ainda podem ser declaradas nas abas “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis” e “Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva”, mas que agora pode também ser declarada dentro da opção “Bens e Direitos”.

Confira a nova tabela de códigos abaixo:

ProdutoComo eraComo ficouComo ficou
GrupoCódigo
Conta Gráfica DTVMCódigo 69 – Outros Depósitos à Vista e Numerário06 – Depósitos à Vista e Numerário99 – Outros Depósitos à Vista
Créditos em TrânsitoCódigo 99 – Outros Bens e Direitos99 – Outros Bens e Direitos99 – Outros Bens e Direitos
Conta CorrenteCódigo 45 – Aplicações de Renda Fixa04 – Aplicações e investimentos02 – Títulos públicos e privados sujeitos à tributação (Tesouro Direto, CDB, RDB e outros)
Títulos de Renda Fixa (CDB, RDB, COE, Letras Financeiras etc) e Tesouro DiretoCódigo 45 – Aplicações de Renda Fixa”04 – Aplicações e investimentos02 – Títulos públicos e privados sujeitos à tributação (Tesouro Direto, CDB, RDB e outros)
Títulos isentos de tributação (LCI, LCA, CRI, CRA, LIG, Debêntures de Infraestrutura e outros)Código 45 – Aplicações de Renda Fixa04 – Aplicações e investimentos03 – Títulos isentos de tributação (LCI, LCA, CRI, CRA, LIG, Debêntures de Infraestrutura e outros)
Ativos negociados em Bolsa de Valores no Brasil (BDRs, Opções e outros – exceto Ações e Fundos)Código 49 (BDR – Outras aplicações e Investimentos) e 47 (Mercados futuros, de Opções e a termo)04 – Aplicações e investimentos04 -Ativos negociados em Bolsa no Brasil (BDRs, opções e outros – exceto ações e fundos)
AçõesCódigo 31 (Ações)03 – Participações societárias01 – Ações (inclusive as listadas em Bolsa)
Fundos de Longo PrazoCódigo 72 – Fundo de Longo Prazo e Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC)07 – Fundos01 – Fundos de Investimentos sujeitos àtributação periódica (come-cotas)
Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC)Código 72 – Fundo de Longo Prazo e Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC)07 – Fundos10 – Fundos de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC)
Fundos de Longo PrazoCódigo 72 – Fundo de Longo Prazo e Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC)07 – Fundos11 – Fundos de Investimentos sem tributação periódica
Fundos de Investimento Imobiliário (FII)Código 73 – Fundos de Investimento Imobiliário07 – Fundos03- Fundos de Investimento Imobiliário (FII)
Fundo de AçõesCódigo 74 – Fundo de Ações, Fundos mútuos de privatização, Fundos de investimento em empresas emergentes, Fundos de investimento em participação e Fundos de investimentos de índice de mercado07 – Fundos04 – Fundos de Investimento em Ações e Fundos Mútuos de Privatização – FGTS
Fundos de Investimento em Participações (FIP), Fundos de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento em Participações (FIF FIP) e Fundos de Investimento em Empresas Emergentes (FIEE)Código 74 – Fundo de Ações, Fundos mútuos de privatização, Fundos de investimento em empresas emergentes, Fundos de investimento em participação e Fundos de investimentos de índice de mercado07 – Fundos06 – Fundos de Investimento em Participações, Fundos de Investimento em Cotas de Fundo de Investimento em Participações e Fundos de Investimento em Empresas Emergentes
Fundos de Índice de Renda Fixa (ETFs de Renda fixa)Código 45 – Aplicações de Renda Fixa07 – Fundos08 – Fundos de Índice de Renda Fixa – Lei 13.043/14
Demais Fundos de Índice de Mercado (ETFs)Código 74 – Fundo de Ações, Fundos mútuos de privatização, Fundos de investimento em empresas emergentes, Fundos de investimento em participação e Fundos de investimentos de índice de mercado07 – Fundos09 – Demais Fundos de Índice de Mercado (ETFs)

Informe de Rendimentos no modalmais

No modalmais facilitamos sua declaração de IR com o Guia de Imposto de Renda, onde podemos contar com diversos vídeos explicativos, mostrando todo o passo a passo da declaração para o Mercado Bovespa, Mercado Futuro, produtos de Renda Fixa, dividendos, entre outros.

E dentro da sua área logada no modalmais você pode baixar seu Informe de Rendimento, seu Relatório Complementar e suas Notas de Corretagem.

No menu lateral MEU DINHEIRO, clique na opção Informe de Rendimentos, selecione o ano-base das informações e logo aparecerá o arquivo PDF para baixar.

Se você gostou deste artigo e quer continuar recebendo dicas sobre investimentos, assine a nossa newsletter. Dessa forma, você será informado sempre que publicarmos um novo conteúdo.

Ainda não é Cliente? Abra a sua conta no Modal Banco Digital do Investidor

close

Seja notificado quando sair novos conteúdos.