Será que é possível investir com pouco dinheiro? Essa é uma dúvida comum e que acaba afastando algumas pessoas da simples ideia de começar a aplicar os seus recursos em produtos de renda fixa e, principalmente, variável.

Muito ou pouco dinheiro é algo relativo e abstrato, pois quantias grandes ou pequenas são interpretadas por valores diferentes entre as muitas situações financeiras presentes no Brasil. No entanto, é importante que você saiba que existem uma infinidade de alternativas de investimentos e dentre elas, muitas podem ser aplicadas à realidade de cada brasileiro.

Pensando nisso, preparamos este artigo para mostrar a você que é possível sim, fazer o seu dinheiro render – e crescer – com o passar do tempo, mesmo que só seja possível investir pequenas quantias. Acompanhe!

 

Afinal, é possível investir com pouco dinheiro?

O universo dos investimentos parece um ambiente distante para quem não tem muitos recursos. E é possível que o motivo desse afastamento, receio e até mesmo aversão, se dê pelo fato de que algumas pessoas acreditam que é preciso ser formado em Economia ou conhecer diretamente alguém que seja especialista no mercado financeiro.

E, claro, há os que acreditam ser preciso ter muito dinheiro para começar a investir. Mas, acredite, todos esses pensamentos e crenças estão bem equivocados.

Primeiro, você não precisa ser formado em nenhuma área em específico para investir. Além disso, também é possível começar com pouco dinheiro e, ainda, abandonar de vez hábitos que fazem o seu dinheiro perder valor e deixar de render de verdade, como ao aplicá-lo na poupança ou, pior, deixando-o parado em conta corrente.

Portanto, respondendo à pergunta que lançamos no título deste tópico, podemos afirmar que sim, é possível investir com pouco dinheiro. Por isso, nos próximos tópicos mostraremos quais as devidas estratégias adotar para se realizar a tão esperada acumulação de capital. Continue lendo!

 

Em quais títulos é possível investir com pouco dinheiro?

Para iniciar a sua carreira no universo dos investimentos, você também precisa conhecer os principais títulos disponíveis no mercado e que possibilitam aplicações com pouco capital. Veja quais são eles!

 

Tesouro Direto

O Tesouro Direto é uma ferramenta que possibilita o acesso de pessoas físicas a títulos da dívida pública da União. Ao optar por esses títulos você estará investindo na modalidade de Renda Fixa e, ao comprar tais títulos – que estão disponíveis a partir de aproximadamente R$ 30, você está, basicamente, “emprestando” dinheiro para o Governo Federal — que, em troca, após um determinado período, devolve pagando a você um percentual de juros.

Por se tratarem de títulos emitidos pelo Tesouro Nacional, o Tesouro Direto é considerado uma das modalidades de investimento mais seguras disponíveis.

No entanto, por nem sempre oferecer um retorno muito atrativo, você pode, dependendo do título, utilizá-lo como reserva de emergência, ou também para acumular capital suficiente para investir em outras modalidades que exijam uma quantia mínima inicial mais elevada, se compararmos ao Tesouro Direto.

Outro ponto positivo desses títulos, é que eles possuem uma alta liquidez, podendo ser resgatados em qualquer dia útil, e estar em formato de recurso financeiro em sua conta no banco de investimentos, no dia útil seguinte. O mais recomendado é que, caso pretenda utilizá-lo como uma reserva de emergência, você opte pelo título Selic.

Títulos de emissão bancária

Podem ser classificados como títulos de emissão bancária, ou seja, emitidos por bancos comerciais, de investimentos ou outros, os seguintes produtos:

Nesse caso, para adquirir um título desse tipo, será necessário desembolsar um pouco mais de recursos. Alguns emissores podem exigir entre R$ 100 e R$ 1 mil, dependo de suas características.

Outro ponto importante a ser mencionado é que esses títulos – CDB, LCI e LCA – contam com a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que protege o seu capital até o limite de R$ 250 mil por CPF e emissor.

Isso significa que, caso o banco que emitiu o título venha a quebrar, o seu capital estará devidamente protegido, dentro do limite mencionado.

 

Ativos de renda variável

Por mais que os títulos mencionados acima sejam muito atrativos, especialmente pela segurança que proporcionam, é provável que, em determinado momento, você se interesse por ativos que possibilitem maiores chances de obter mais rentabilidade sobre seu capital investido. No entanto, é possível que, para atingir tal patamar, você precise optar por ativos que exponham seus recursos a um pouco mais de riscos, como no segmento de renda variável.

Quando isso acontecer, é de suma importância que você tenha bagagem de conhecimento suficiente para compreender e saber tirar o devido proveito desse segmento do mercado, evitando ao máximo consequências desastrosas sobre seu capital.

Fora dos limites da Renda Fixa, você irá se deparar com produtos como Fundos de Investimento e também com ativos de renda variável negociados em Bolsa de Valores, como as ações, os ETFs (conhecidos como fundos de índices) entre outros.

Mas atenção: você também deve sempre buscar diversificar os investimentos em sua carteira, evitando deixar todo o seu capital em uma única modalidade.

Adotando essas medidas, estudando o mercado e acompanhando seus investimentos de perto – e com paciência – você verá seu patrimônio crescer e ajudar você a alcançar objetivos que, sem o devido planejamento financeiro, poderiam até mesmo ser inviáveis.

 

Como começar a investir com menos recursos?

Para começar a investir com pouco dinheiro, é preciso seguir alguns passos muito simples. Veja quais são eles:

  • Abrir uma conta em um banco de investimentos;
  • Transferir o dinheiro por meio de Ted ou Pix;
  • Escolher os ativos que estejam de acordo com sua disponibilidade financeira atual e também com o seu perfil de investidor;
  •  Realizar a aplicação nos títulos e ativos escolhidos na etapa anterior;
  •  Acompanhar a evolução do seu capital.

 

Além disso, você também deve sempre aprimorar seus conhecimentos sobre o mundo dos investimentos financeiros conferindo mais artigos e conteúdos como o que está lendo agora, entre tantos outros disponíveis em nosso blog.

Como você pôde notar, começar a investir com pouco dinheiro é perfeitamente possível. Porém, para fazer isso, é necessário seguir os passos que mencionamos e contar com um banco de investimentos estável, seguro e completo, como o modalmais, o banco feito para os investidores.

Para ter acesso a essa e outras formas de investir, abra a sua conta no modalmais e veja todos os benefícios que o banco digital dos investidores pode proporcionar.