Em resumo, o investidor compra ou vende contratos de dólar futuro, especulando a oscilação do preço, em uma data de vencimento futura.

Este ativo é uma opção para quem procura aumentar seu capital. Porém, também pode ser utilizado para a prática de hedge, uma estratégia que oferece proteção contra as oscilações de preços no mercado.

 

Você também pode se interessar por investimentos em minicontratos. Não sabe o que é isso? Leia o artigo “Mini Contratos: O que são e como começar a operar” e descubra!

 

Quer saber como investir em dólar futuro e lucrar mais? Continue a leitura deste artigo, onde iremos abordar:

 

  • Como funciona o dólar futuro
  • É possível ficar rico com dólar futuro?
  • Qual o código do dólar futuro hoje
  • Gráfico do dólar futuro em 2019
  • Qual a diferença entre mini dólar e dólar futuro?
  • Como investir em dólar futuro na modalmais

 

Boa leitura!

 

Como funciona o dólar futuro

O dólar futuro é um contrato futuro do dólar comercial.

 

O dólar futuro é um contrato de compra ou venda da moeda comercial, baseado na taxa de câmbio da data atual e com vencimento definido.

O investidor se compromete em comprar ou vender uma determinada quantia da moeda, em uma data futura e conforme um preço acordado no valor presente.

Vamos tentar exemplificar, com números e valores totalmente aleatórios, ok? Não considere os valores aqui como parâmetros, falaremos sobre mínimos, limites e histórico do câmbio mais à frente. Dito isto, vamos considerar a situação a seguir.

Hoje você observa que a cotação do dólar está, por exemplo, R$ 4,00. Você especula que, daqui uns meses, o dólar deverá subir. Para aproveitar essa onda, você decide comprar alguns contratos futuros de dólar ao preço de hoje (R$ 4,00), mas com vencimento em abril de 2020.

Digamos que você compra US$ 50 mil dólares, com vencimento para abril de 2020. Se na data do vencimento, o dólar estiver valendo R$ 5,00, você comprará ele a R$ 4,00 e poderá revender no ato, ganhando R$ 1,00 por dólar comprado.

Bastante interessante, não é mesmo? E, perceba, neste exemplo usamos a posição mais comum e conhecida pelos traders iniciantes, que é a de operar comprado.

Quando falamos em ações, por exemplo, é muito fácil considerar a compra por um valor menor para, então, vender por um preço maior, como única forma de rentabilizar o investimento.

 

Mas a verdade é que você pode ganhar tanto no caso de alta quanto na baixa da ação, da moeda ou do índice: basta operar vendido (ou a descoberto). Mas calma! Falaremos melhor sobre isso mais à frente.

 

Resumindo: Como utilizar o dólar futuro

Em suma, o dólar futuro é uma transação realizada considerando o preço atual da moeda, com vencimento em data futura, que serve tanto para aumentar o capital do investidor (e diversificar seus investimentos), quanto para protegê-lo contra as oscilações do mercado.

Se você pretende viajar ao exterior, operar no mercado futuro pode evitar que você seja pego de surpresa com o aumento repentino da moeda, por exemplo. Para essa estratégia, damos o nome de hedge.

 

Uma breve explicação sobre mercado futuro

O mercado futuro é um ambiente onde ocorrem negociações de contratos em data futura, ou seja, com vencimento definido diferente da data da operação.

No mercado futuro, podem ser negociados diferentes contratos, além do dólar. Conheça os ativos mais comuns negociados no mercado futuro:

 

  • Commodities, como boi gordo, soja, milho, café, ferro e ouro.
  • Moedas, como o dólar.
  • Índices, como o Ibovespa.
  • Ações, como da Petrobrás, uma opção disponibilizada pela B3 desde 2018.

 

Uma observação importante, porém, é que os contratos futuros “cheios” costumam exigir valores muito altos. Por esse motivo, são apenas os grandes players que operam nesse modelo.

Para investidores de varejo (pessoas físicas que investem valores menores), existem opções de minicontratos, como o mini índice e o mini dólar.

 

Como as pessoas ganham dinheiro com ele?

Como você viu em nosso exemplo, o mercado futuro permite que o investidor rentabilize seu dinheiro com base em especulação dos preços de determinados ativos, apostando em sua alta ou queda.

Assim, as oscilações de mercado deixam de ser um fator negativo, permitindo altos retornos e aumento de capital.

Por outro lado, é um investimento de risco e, como tal, inúmeros critérios devem ser analisados antes de apostar nessa modalidade. Possuir conhecimento em economia internacional é fundamental para que você possa avaliar corretamente os gráficos, indicadores e tendências.

Outra forma de ganhar dinheiro é se proteger dessa oscilação através de hedge. Muito utilizada por produtos do agronegócio, a estratégia de hedge consiste em usar o mercado futuro como forma de “garantir” um determinado preço em suas commodities.

Dessa forma, é possível evitar que uma possível queda da demanda impacte no preço comercializado e acabe gerando prejuízo ao produtor.

 

O que é operar vendido no mercado?

No exemplo que demos acima, o investidor estava na posição de comprado, ou seja, ele comprou os contratos futuros de dólar, e ganhará somente se ocorrer aumento no câmbio da moeda; somente assim poderá vender seus ativos por um valor acima do que comprou.

Porém, não é somente na alta que você pode ganhar dinheiro. A queda do câmbio também pode ser favorável, afinal, sempre terá quem vende e quem compra, certo? Se você perde comprando, quem vendeu está ganhando.

A lógica é simples – e a prática também, desde que você entenda o conceito de operar a descoberto.

Para operar vendido, você precisa vender contratos de dólar futuro. Você fará isso se especular a queda do preço do câmbio na data de liquidação do contrato.

 

“Ok, mas como vou vender sem ter comprado nada antes?”, você deve estar se perguntando.

 

Isso é operar a descoberto: você não precisa ter comprado nada antes, pois você estará vendendo a expectativa de uma subida ou queda de preço, e não a moeda (papel) em si.

Dessa forma, você aproveita as oscilações do mercado nas duas direções: tanto no positivo quanto no negativo.

 

É possível ficar rico com dólar futuro?

A melhor forma de enriquecer é diversificando seus investimentos.

 

Investir com inteligência é a melhor forma de fazer crescer seu capital, não há dúvida com relação a isso. Porém, é muito importante lembrar que:

  • você nunca deve investir uma parte grande do seu capital em produtos de risco ou em um único ativo;
  • ganhos do passado não garantem ganhos futuros.

 

Portanto, diversificar sua carteira de investimentos, respeitando seu perfil de investidor e seus objetivos de curto, médio e longo prazo, são as melhores formas de promover o crescimento saudável e sustentável do seu capital.

Investir parte do seu dinheiro em produtos que possam garantir uma renda recorrente (como ações que pagam dividendos, ou seja, parte do lucro obtido pela empresa) ou aluguel de ações são boas estratégias.

Com isso, você começa a gerar uma renda passiva e recorrente, que independe do quanto você trabalha ou se dedica àquele investimento.

Também é importante considerar os juros compostos, o melhor amigo do investidor.

Com eles, investimentos em renda fixa, como CDB, LCI ou LCA se tornam opções muito rentáveis para quem deseja investir em produtos de menor (ou até zero) risco.

 

Quer aprender mais sobre investimentos em renda fixa? Confira o artigo: Qual investimento rende mais? Investimentos em LCI, LCA ou CDB?

 

Qual o código do dólar futuro hoje

O código dos contratos de dólar futuro é constituído pela sigla DOL, acrescida de uma letra que indicará o mês de vencimento, mais dois dígitos que informará o ano do vencimento.

No exemplo que trabalhamos neste texto anteriormente, o código para um dólar futuro, com vencimento em abril de 2020, seria DOLJ20. A letra J representa o mês de abril; 20 é o ano e o vencimento sempre será no primeiro dia útil do mês. Neste caso, será no próprio dia 1º.

Conheça as letras para cada mês e interprete corretamente os códigos dos contratos negociados na bolsa de valores hoje:

 

CódigoMês
Fjaneiro
Gfevereiro
Hmarço
Jabril
Kmaio
Mjunho
Njulho
Qagosto
Usetembro
Voutubro
Xnovembro
Zdezembro

 

Gráfico do dólar futuro em 2019

Acompanhe as movimentações dos gráficos para entender as tendências e embasar suas decisões.

 

O dólar futuro tem seu valor ajustado todos os dias, independentemente do vencimento ocorrer em data específica.

Por exemplo: se, em novembro de 2019, você negociou um contrato futuro de dólar com liquidação em abril de 2020, durante os meses de dezembro, janeiro, fevereiro e março, a bolsa de valores fará ajustes automáticos em sua posição, de acordo com as oscilações do mercado.

Dessa maneira, é possível acompanhar os ajustes e até mudar sua posição. Além disso, você poderá operar o mercado futuro usando a estratégia de day trade, valendo-se das oscilações diárias para rentabilizar seu dinheiro.

A seguir, acompanhe o gráfico do contrato DOLF20, ou seja, dólar futuro com liquidação em janeiro de 2020, e entenda a oscilação e ajustes efetuados durante o ano de 2019:

 

Qual a diferença entre mini dólar e dólar futuro?

O mini dólar representa 20% do valor do contrato cheio, e tem um lote mínimo também menor.

 

O funcionamento do dólar futuro e do mini dólar é exatamente o mesmo: você negocia o contrato para liquidação automática em data futura, previamente definida.

A única diferença entre eles é o tamanho da negociação. Enquanto o contrato futuro exige um mínimo de 5 contratos negociados (no valor de US$ 50 mil cada um), no mini dólar você pode negociar somente 1 contrato, no valor de US$ 10 mil.

Por este motivo, o mini dólar é mais acessível aos investidores de menor capital, além de ser uma boa opção para quem deseja diversificar seus investimentos.

Lembre-se, porém, que assim como em outros investimentos de renda variável, o mercado futuro oferece risco ao investidor, já que suas negociações são realizadas, basicamente, com base em especulações.

 

Como investir em dólar futuro na modalmais

A modalmais é um Home Broker da Modal DTVM, uma empresa do Banco Modal, feito para oferecer soluções adequadas a diversos perfis e objetivos financeiros.

Com soluções de investimentos completas, taxa zero de custódia e de manutenção de conta, além de isenção de taxas em diversos produtos (incluindo contratos futuros e minicontratos), a modalmais é a melhor opção para quem deseja começar a investir.

Conheça nossos diferenciais:

 

  • taxa zero para investir no Tesouro Direto;
  • corretagem para mini contrato a partir de ZERO;
  • corretagem para contrato cheio a partir de ZERO;
  • margem reduzida para mini índice a partir de R$ 13,00;
  • margem reduzida para mini dólar a partir de R$ 23,00;
  • corretagem ZERO para FIIs (Fundos de Investimento Imobiliários);
  • corretagem fixa a partir de R$ 0,99 para ações e opções;
  • isenção na taxa de custódia;
  • plataformas de investimento a partir de ZERO;
  • apenas 4% a.m. para usar a Conta Margem;
  • alavancagem de até 50 vezes para operações DayTrade;
  • isenção de imposto de renda em LCI e LCA;

 

Para começar a investir em dólar futuro, abra sua conta na modalmais. É fácil e gratuito!

  1. Acesse o site.
  2. Clique em “Abra sua Conta”.
  3. Preencha com as informações solicitadas.
  4. Baixe o app.
  5. Finalize seu cadastro.
  6. Aguarde a aprovação do seu cadastro. Você será informado via e-mail quando já puder acessar a sua conta e a plataforma.
  7. Faça uma transferência da sua conta para a conta da modalmais.
  8. Com o valor em caixa, escolha seu investimento e comece a operar!

 

Se você ainda não investe em nenhum produto financeiro, comece pelos de renda fixa e faça sua reserva de emergência; ela é essencial para garantir sua tranquilidade e segurança financeira em caso de necessidade.

Somente depois, disso comece a se aventurar em investimentos de maior risco, como as ações ou o dólar futuro.

 

Conclusão

Dólar futuro é um contrato negociado no mercado futuro por grandes players, já que exige um mínimo de US$ 250 mil transacionados.

 

O dólar futuro é um ativo negociado no mercado futuro, que oferece uma boa rentabilidade aos grandes players do mercado, desde que a especulação se confirme.

Por exigir a transação de altos valores, não é acessível a investidores de menor capital. Para este público, porém, existe a possibilidade de investir em mini dólar, que funciona exatamente da mesma maneira e oferece os mesmos benefícios (porém, os mesmos riscos!).

Continue aprimorando seus conhecimentos em investimentos: confira os artigos que separamos para você. 🙂

 

Compartilhe, também, os nossos conteúdos em sua rede social e ajude para que mais pessoas enriqueçam com nossas dicas.